Um dos grandes conceitos do Dakar, que realiza sua 41ª edição entre os dias 7 e 17 de janeiro no Peru, é o do “correu, limpou”: por onde passa, a categoria deixa o local como encontrou – ou até mais arrumado – e sempre busca deixar um legado em todas as regiões percorridas.

O Peru, que pela primeira vez sediará toda a competição, será o grande beneficiado da vez] pelo Dakar, que está comprometido em proteger e promover todo o vasto sítio arqueológico histórico da região. E, por conta das diversas parcerias sociais, o evento será totalmente sustentável e sua estrutura será toda deixada ao povo local.

Em todos os acampamentos e setores de espectadores existem sistemas de reciclável e tratamento de lixo, com 100 toneladas tendo sido recicladas na edição de 2018. Além disso, 100% das emissões de carbono do evento serão compensados como parte de um projeto chamado “Madre de Dios Amazon Redd”.

Outro legado do Dakar será a instalação de 17 painéis permanentes e outros 250 pontos de demarcações que chamarão a atenção para as áreas naturais do Peru. Por fim, as garrafas PET usadas na área do evento serão transformadas em cobertas para os mais necessitados e a previsão é de que mais de 400 projetos de caridade da região sejam beneficiados pelo rali.

Segurança também é prioridade no Dakar

Em todo o trajeto do Dakar serão estabelecidas áreas definidas onde o acesso será proibido, além de locais para competidores, jornalistas, organização e público em geral.

Os que quiserem curtir o rali “in loco” e de forma segura terão à disposição 30 locais de segurança ao longo do percurso para ver a passagem de motos, quadris, carros, UTVs e caminhões, com todos protegidos por cerca de 9 mil seguranças contratados pelo evento.

O Brasil disputa o Dakar 2019 com 11 competidores, sendo dois nas motos (Marcos Colvero e Lincoln Berrocal) e nove nos quadris (Reinaldo Varela/Gustavo Gugelmin, Bruno Varela/Maykel Justo, Cristian Baumgart/Beco Andreotti, Marcos Baumgart/Kleber Cincea e Lourival Roldan, que será navegador do piloto português Miguel Jordão).

Brasil No Dakar 2019
Vipcomm Assessoria de Imprensa
Mais informações: [email protected]
Contato durante o Dakar (somente via WhatsApp): +5511 98201-4100