Leandro Torres e Lourival Roldan buscam o primeiro título do Sertões. Foto: Doni Castilho/Vipcomm

Goiânia (GO) – Enquanto conta as horas para o início do Rally dos Sertões, a Torres Racing acerta os últimos detalhes da estrutura da equipe e de análise do roteiro. Favoritos na categoria UTV, o piloto Leandro Torres e o navegador Lourival Roldan tentam o primeiro título juntos na maior competição off road do Brasil. Para os sete dias de especiais entre Goiânia (GO) e Bonito (MS), com mais de 3.300 quilômetros de percurso, a dupla campeã do Dakar 2017 adotou duas palavras como primordiais na busca por um bom resultado: cautela e disciplina.

Galeria de imagens

“Logo no primeiro dia teremos uma especial muito pesada, longa, com muita poeira e trechos de serra. São características fortes para um início de rali. Na sequência, vem uma etapa maratona. Em três dias, é possível que haja uma boa filtrada de competidores na disputa pelas primeiras colocações”, alerta Torres.

“Sair sem grandes danos da maratona vai exigir cautela. Até o quinto dia, muita gente deve ficar pelo caminho. Para as duas últimas especiais, os competidores precisarão de disciplina para cruzar a linha de chegada em Bonito”, concluiu o piloto.

Pela primeira vez como equipe própria, a Torres Racing receberá o suporte logístico e técnico do time francês Extreme Plus, o mesmo que cuida da estrutura de Torres/Roldan no Dakar, e brigará por um lugar no pódio entre os UTVs no Rally dos Sertões também com a dupla Carlos Ambrósio/Cadu Sachs.

“A Extreme Plus é pentacampeã do Rally Dakar, tem histórico de desenvolvimento e faz todo o sentido correr uma prova tão dura como o Sertões ao lado desse pessoal”, explicou Torres.

Os veículos começarão a acelerar no Rally dos Sertões a partir das 10h30 de sábado (19), com o prólogo, que definirá a ordem de largada dos competidores, na Cidade Alpha Goiás. A chegada, em Bonito (MS), será no dia 26 de agosto.

Confira o roteiro do Rally dos Sertões 25 anos:
Domingo (20/08)
1ª Etapa
Goiânia (GO) a Goianésia (GO)
Deslocamento Inicial – 221,87 km
Trecho cronometrado – 306,82 km
Deslocamento Final – 151,79 km
Total do dia: 680,48 km

Segunda-feira (21/08)
2ª Etapa (Maratona)
Goianésia (GO) a Santa Terezinha de Goiás (GO)
Deslocamento Inicial – 78 km
Trecho cronometrado – 248,16 km
Deslocamento final – 0 km
Total do dia: 326 km

Terça-feira (22/08)
3ª Etapa
Santa Terezinha de Goiás (GO)  a Aruanã (GO)
Deslocamento Inicial – 0 km
Trecho cronometrado – 297,12km
Deslocamento Final – 9 km
Total do dia: 306 km

Quarta-feira (23/08)
4ª Etapa
Aruanã (GO) a Barra do Garças (MT)
Deslocamento Inicial – 102,4 km
Trecho Cronometrado – 273,20 km
Deslocamento Final – 95,68 km
Total do dia: 471,34 km

Quinta-feira (24/08)
5ª Etapa
Barra do Garças (MT) a Coxim (MS)
Deslocamento Inicial – 13,85 km
Trecho Cronometrado – 438,86 km
Deslocamento Final – 213,30 km
Total do dia: 666,01 km

Sexta-feira (25/08)
6ª Etapa
Coxim (MS) a Aquidauana (MS)
Deslocamento Inicial – 59,82 km
Trecho Cronometrado –  194,91 km
Deslocamento Final – 174,72 km
Total do dia: 429,45 km

Sábado (26/08)
7ª Etapa
Aquidauana (MS) a Bonito (MS)
Deslocamento Inicial – 128,62 km
Trecho Cronometrado – 240,45 km
Deslocamento Final – 51,71 km
Total do dia: 420,78 km

Total de trechos cronometrados (especiais): 1.999,52 km
Total da prova:  3.300,06 km

Assessoria de Imprensa Torres Racing
Jornalista Responsável: 
Thiago Rocha (011) 99333-8485